Receba dicas grátis!

Guilhotina x refiladora: entenda a diferença entre elas

guilhotinaCom tantos equipamentos disponíveis no mercado, é natural que quem começa a montar seu próprio escritório ou gráfica fique em dúvida na hora da compra. Até porque, alguns deles possuem funções muito similares e é fácil se confundir.

Este é o caso da guilhotina e da refiladora, que inclusive se parecem fisicamente. Embora suas distinções sejam sutis, os resultados que apresentam são bastante diferentes e devem ser usados para objetivos específicos.

Se você tem dúvida sobre o que cada um desses itens realmente faz, é hora de ler este artigo. Tire suas dúvidas agora mesmo e faça uma compra correta e segura!

O que a guilhotina faz?

A guilhotina, ao contrário da refiladora, é ideal para cortar grandes volumes de papel. O equipamento possui boa capacidade e, devido ao seu corte preciso e afiado, é excelente para formatos maiores ou materiais mais grossos e espessos.

Como possui uma faca afiada, não deixa rebarba e projeta um acabamento perfeito, se essa for a intenção. Ela pode cortar folhas previamente impressas, material fotográfico e até mesmo papéis que ainda serão inseridos em alguma outra máquina para acréscimo de detalhes, impressão ou novos cortes.

Seu manuseio, porém, deve ser feito com extremo cuidado. Senão, por ser muito potente, é fácil que o usuário cause algum acidente e se machuque, ou mesmo cause perdas e danos no material que deveria ser cortado.

E a refiladora, como funciona?

A refiladora é um equipamento mais recente, desenvolvido para realizar cortes com mais flexibilidade. Ela consegue cortar não somente do modo reto tradicional, mas também aplicar detalhes ondulados ou perfurados, a depender do modelo.

É um item mais leve e portátil, portanto, atua melhor com um volume menor de papel. Ao invés da faca apresentada na guilhotina, seu funcionamento se dá através de uma roldana que, com movimentos deslizantes, efetua o corte final.

Desse modo, dificilmente algum acidente ou falha ocorrerá. Mas, mesmo que seu manuseio e uso sejam mais seguros, o trabalho pode demorar um pouco além do desejado, já que sua capacidade é menor. É utilizada para produzir materiais mais delicados, como convites, folhetos, documentos e lembrancinhas.

Qual delas é a melhor opção?

Para escolher entre a guilhotina e a refiladora, é preciso estudar o seu negócio: o que você pretende fazer com esses equipamentos e qual é o volume da sua demanda? Além disso, mesmo que manusear ambas não seja algo difícil, é fundamental que o funcionário responsável receba a orientação correta a respeito do assunto.

Em média, os valores dos dois itens são aproximados e, como possuem uma estrutura compacta, não ocuparão um grande espaço. Analise também como será a sua periodicidade de entregas, para definir se os serviços terão que ser rápidos ou se a necessidade de uso é apenas esporádica.

Com base nesses detalhes, sem dúvidas você fará a escolha correta. Você conhecia todas essas diferenças entre a guilhotina e a refiladora? Esse artigo contribuiu para que você identificasse todos os detalhes? Consegue decidir qual é a melhor opção para você? Comente e participe!

Adicionar comentário